A Comissão Processante que investiga a denuncia protocolada na Câmara contra o Prefeito Ricardo Salaro Neto (PPS) decidiu ontem (30) que vai dar continuidade ao processo contra o Prefeito.
Após o prazo de analise da defesa prévia entregue pelo prefeito na ultima quarta-feira (23) na Câmara a comissão teve o prazo de 5 dias para analisar e decidir se continuava com as investigações e a convocação das testemunhas  ou pelo arquivamento do processo.
Por unanimidade a comissão agora passa a intimar as testemunhas e convoca-las para seus depoimentos.



Votaram a Favor da continuidade da Denuncia os Vereadores:
- Paulo Zaparolli (Presidente da C.P.)
- João Paulo Piovan (Relator da C.P.)
- Alexandra Guimarães (Membro da C.P.)

Agora os trabalhos vão estar concentrados na fase de colher os depoimentos das testemunhas arroladas por Ricardo, entre elas o ex-prefeito de Botucatu e Presidente do FDE, João Cury.
A partir de agora depois de ouvida todas as testemunhas a Comissão Processante vai elaborar um relatório que será apreciado pelo Plenário da Câmara; Caso seja ele (Relatório) Favorável, os 13 vereadores em Plenário votam SIM para a Cassação do Mandato do Prefeito e NÃO para mantê-lo no cargo; Agora caso o relatório seja Contrario a denuncia os 13 vereadores em Plenário votam NÃO para a Cassação do Mandato do Prefeito e SIM para mantê-lo no cargo.
Cabe lembrar que ainda nessa sessão em que o relatório da Comissão Processante será votado o Prefeito tem direito de se defender em plenário para os senhores vereadores.

A Reportagem da Radio FM Integração vai continuar acompanhando todo o processo de depoimento das testemunhas e trará mais informações conforme o andamento dos trabalhos na Comissão Processante.

(da Redação – Diogo Vitoretti.)

Últimas Notícias : Pages : FM Integração