Uma cabeleireira grávida foi baleada dentro do salão de beleza enquanto trabalhava, na noite de sábado (21), no Centro de Marília (SP). Segundo a polícia, o suspeito pelo crime é o ex-marido.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima Kamila Jaccard, de 32 anos, estava no estabelecimento, quando o suspeito chegou, teria começado uma discussão e efetuou os disparos. No salão também estavam os três filhos da vítima, todos menores de idade.

A cabeleireira foi socorrida e levada ao Hospital das Clínicas com ferimentos no tórax. Segundo a unidade hospitalar, o estado de saúde é estável e a gravidez não foi afetada.

Ainda de acordo com o registro, a cabeleireira disse à polícia que não é mais casada com o suspeito.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio qualificado e violência doméstica e pode ser enquadrado como feminicídio. A arma do crime não foi encontrada e a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) é quem conduzirá a investigação. Ninguém foi preso. (G1)

Últimas Notícias : Pages : FM Integração