A Guarda Municipal registrou na noite de sexta-feira, 05, um caso de ameaça e violência doméstica no bairro Caimã, rua Luiz Casteletti. O caso é confuso e o acusado causou diversos problemas, segundo relatório da GCM.

Uma viatura da Guarda, composta pelo Inspetor Paes e GCM Chagas, foi chamada até o local mencionado para atender uma briga. Chegando lá, uma outra viatura atendia a situação, informando que um homem, de 32 anos, havia se desentendido com a família, mas que os ânimos se acalmaram, não sendo mais necessária a presença dos guardas no local.

A família não quis levar o caso adiante e não deu parte do acusado. Mas, minutos depois da saída das viaturas, o mesmo voltou a se exaltar, fazendo ameaças, se mostrando violento e atirando tijolos contra sua residência, segundo relatório da GCM. De acordo com a família, o acusado já havia se envolvido em outra briga no meio da rua, levando a pior.

Nesse momento, o acusado foi até a cozinha, pegou várias facas e foi novamente para a rua procurar seus agressores, sendo que a mãe tentou impedi-lo, mas foi em vão. O homem então voltou a se envolver em confusão, apanhando mais uma vez.

Ao retornar para casa, de novo, se mostrou agressivo e novamente a Guarda Municipal foi chamada. Como da primeira vez, o acusado se acalmou e tudo parecia tranquilo agora, só que não. Após a viatura da Guarda Municipal deixar o local, de novo, o homem mais uma vez causou confusão.

Dessa vez o mesmo ameaçou a mãe, uma idosa de 67 anos e o irmão que é cadeirante. Parecendo estar transtornado, segundo consta em boletim de ocorrência da Polícia Civil, o homem passou mais uma vez a atirar tijolos no telhado de casa e se mostrou violento e descontrolado.

Após esse terceiro ataque de fúria, a família tornou a chamar a Guarda Municipal, só que desta vez a mãe e irmão quiseram representar, pois se sentiram ameaçados. Antes de ir para o plantão da Polícia Civil, o acusado ainda foi levado para o Pronto Socorro Adulto, para receber cuidados médicos após ferimentos no rosto. Ele foi preso após a elaboração de flagrante na Polícia Civil.(AconteceBotucatu)

Últimas Notícias : Pages : FM Integração

Thumbnail Familiares e amigos da jovem Raissa Levy, de 15 anos, de Botucatu, estão pedindo ajuda após o desaparecimento da garota. Segundo informações, Raissa teria ido em uma balada denominada Top Night, no Jardim Marajoara, na sexta-feira, 18, e não teria mais feito contato ...
Thumbnail   A Diretoria de Saúde adiou o início da campanha de vacinação antirrábica na zona rural de São Manuel, que seria no sábado, dia 19 de agosto, por conta do mau tempo. A data prevista, portanto, é o sábado próximo, dia 26 de agosto.A vacinação será realizada em cachorros e gatos...