Após assumir publicamente identidade de gênero feminino e adotar o nome Victoria, vereador Vi Cortez (PTB) conseguiu oficializar seu nome parlamentar na Câmara de Avaré.

O Legislativo explica que, a exemplo do Congresso Nacional e de outros parlamentos, permite legalmente a utilização do nome parlamentar. Com isso, Vi Cortez agora passa a ser oficial. Na última sessão da Casa, a parlamentar usou a palavra livre para comentar o assunto.

“Algumas pessoas dizem que estão querendo pregar a ditadura “gayzista” nas escolas, mas isto é um grande equívoco, querem é falar de inclusão social. Querem que todos tenham acesso à informação a respeito da identidade de gênero”, declarou.

Cortez lembrou também de importante conquista das pessoas transgêneras, que é decreto assinado pela presidente Dilma Rousseff, no último dia 28, que permite o uso do nome social para servidores e usuários de qualquer repartição pública federal. Segundo a Câmara, Cortez se tornou a primeira vereadora trans do interior paulista e a primeira pessoa a transicionar durante o exercício de mandato político no Brasil. (Jcnet)



Últimas Notícias : Pages : FM Integração

Segunda 6 Dezembro 2021 Notícias
Uma batida entre dois veículos na madrugada deste domingo (5) terminou com um dos veículos capotando e atingindo a bomba de um posto de combustíveis na Avenida Investigador Lucídio Leite, no bairro...
Segunda 6 Dezembro 2021 Notícias
Um carro ficou totalmente destruído após o cilindro de gás natural veicular explodir enquanto era abastecido em um posto de combustíveis, na tarde deste domingo (5), em Sorocaba (SP). De acordo com...
Segunda 6 Dezembro 2021 Notícias
O policial de 47 anos relatou na elaboração da ocorrência do plantão policial que o motorista parou em uma das cabines para efetuar o pagamento, quando o PM se aproximou da cabine para determinar...