Prefeitura de Lençóis Paulista (SP) enviou ofício a DRS de Bauru solicitando 'kit intubação' nesta sexta-feira (26) — Foto: Prefeitura de Lençóis Paulista/ DivulgaçãoPrefeitura de Lençóis Paulista (SP) enviou ofício a DRS de Bauru solicitando 'kit intubação' nesta sexta-feira (26) — Foto: Prefeitura de Lençóis Paulista/ Divulgação

Após enviar um ofício solicitando, de forma emergencial, ao Departamento Regional de Saúde (DRS-6) de Bauru o envio de medicamentos analgésicos e relaxantes musculares necessários para intubação de pacientes com Covid-19, a prefeitura de Lençóis Paulista informou neste domingo (28) que vai pedir a transferência dos pacientes que estão na UTI no único hospital da cidade.

Segundo a nota da prefeitura, após o envio do ofício na última sexta-feira (26), no qual afirmava que o estoque de medicamentos do "kit intubação" durariam apenas mais 72 horas, foram enviadas 40 ampolas do medicamento Midazolan, o que seria suficiente para duas ou três horas apenas. Portanto, o prazo para o fim do estoque continua sendo a noite desta segunda-feira (29).

Diante dessa situação, a prefeitura informou que está "oficiando o DRS-6 para realizar a transferência, através da Central de Vagas (CROSS), dos pacientes das alas de UTI de Lençóis Paulista para hospitais estaduais referência", diz a nota. Segundo a administração municipal, são cerca de 20 pacientes na UTI do Hospital Piedade.

No pedido emergencial para a reposição dos estoques dos medicamentos, o prefeito Anderson Prado de Lima (DEM) fez um apelo para as autoridades estaduais e federais alertando sobre a gravidade da situação vivida pelo município. (G1 Bauru e Marília)

Últimas Notícias : Pages : FM Integração

ThumbnailSupremo Tribunal Federal decidiu nesta quinta-feira (15) rejeitar o recurso da Procuradoria-Geral da República (PGR) que buscava reverter a anulação das condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva impostas pela Justiça Federal do Paraná, na Operação Lava...