A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Marília (SP) indiciou nesta quarta-feira (13) o colecionador de armas Francis Vinício Bez Angonesse, que trocou tiros com policiais militares em Marília (SP), por dupla tentativa de homicídio. O empresário trocou tiros com dois policiais militares na madrugada de 30 de setembro.

Segundo o Delegado Luís Marcelo Pepétuo Sampaio, o empresário foi interrogado no Hospital das Clínicas de Marília, onde está internado sem previsão de alta. O suspeito alegou não ter atirado nos policiais. O delegado disse que o empresário sofreu um surto e passa por avaliação psiquiátrica.

Testemunhas também foram ouvidas e disseram à polícia que, antes da chegada dos policiais, Francis havia efetuado alguns disparos. A mãe do colecionador de armas, em depoimento, contou que ele teve um surto causado pelo barulho que a moto de um vigilante da rua fazia.

A Polícia Civil ainda aguarda o resultado de laudos periciais e o depoimento de um dos policiais baleados na ação.

O relatório emitido vai ser analisado pelo Ministério Público, que deve oferecer a denúncia. Se condenado, o empresário pode pegar pena de até 24 anos de prisão em regime fechado.

 

Fonte:G1 Bauru e Marília.

Últimas Notícias : Pages : FM Integração

Sábado 23 Outubro 2021 Notícias
A Unesp está com inscrições abertas para concursos de empregos públicos técnico-administrativos em diversas unidades universitárias. São, ao todo, 30 vagas, em 24 editais. As inscrições se iniciaram...
Sábado 23 Outubro 2021 Notícias
A Guarda Municipal de Botucatu prendeu no início da noite desta sexta-feira, 22, um homem que danificou objetos do Terminal Rodoviário da cidade. A equipe GEPOM foi solicitada através do 199, já que...
Quinta 21 Outubro 2021 Notícias
Um homem, não identificado, mostrou seu órgão genital para uma adolescente em Jaú. O caso aconteceu na tarde da última segunda-feira (18) por volta das 17h. A menina, que retornava para a casa, foi...