Um homem de 54 anos foi preso acusado de agredir a esposa de 43 anos e a enteada de 13 anos, e está sendo investigado por estupro contra a menina.

O caso foi registrado no bairro Santa Maria, às 17h30 de domingo (22).

Depois de ser acionada, a Polícia Militar ouviu a mulher moradora do endereço. Ela informou que o marido havia a agredido fisicamente com um tapa no rosto, ameaçando de matá-la – sem motivo aparente – e afirmou que após a discussão sua filha acabou dizendo que estava sendo violentada pelo padrasto há 6 anos, alegando que ele tem praticado conjunção carnal contra ela em várias ocasiões. Disse a menina que nunca contou nada para mãe por receio e afirmou que foi ameaçada de morte.

Os policiais entraram na casa e o homem que estava na sala disse que havia discutido com a mulher por causa dos filhos dele quando acabou ameaçando a esposa de morte e desferiu um tapa no rosto dela; mas em relação aos abusos sexuais negou os fatos.

O suspeito que tem passagens policiais por ameaça e receptação foi levado ao plantão e em seguida preso em flagrante quanto às ameaças e a agressão. A polícia agora está investigando o caso do estupro.

BOFETE

Outro caso de estupro foi registrado no centro da cidade de Bofete (SP) na manhã de sábado (21), por volta de 16h15. O suspeito é um homem de 34 anos. A mãe da adolescente de 13 anos foi ao plantão policial de Botucatu dizendo a menina encontra-se de férias, e na quinta-feira passada, foi passar alguns dias na casa da irmã, na cidade de Bofete.

Na ocasião, a mulher disse que recebeu uma mensagem da sua filha, a qual dizia que precisava conversar urgente com a mãe. Ela ligou para filha que contou o seguinte: estava dormindo e o homem começou a passar as mãos em seus seios, por baixo da roupa. Ela acordou e ele saiu do quarto. Depois do caso ser denunciado à mãe, o homem fugiu.

(do 14News com Rádio Municipalista).

Últimas Notícias : Pages : FM Integração