19 anos
a Primeira da cidade

19 anos
a Primeira da cidade

4

Casal é investigado pela Polícia Civil por suspeita de torturar crianças em Colina, SP

A Polícia Civil de Colina (SP) investiga um casal por suspeita de tortura contra duas crianças. Segundo o delegado Gustavo Lopes Coelho, responsável pelo inquérito, o caso foi denunciado à polícia pelo Conselho Tutelar.

A investigação apontou que as crianças, irmãos de 6 e 7 anos, estavam na fase de final do processo de adoção pelo casal. Por causa disso, os suspeitos já detinham a guarda provisória deles e aguardavam apenas o final do trâmite legal para ficar com elas em definitivo.

No fim de julho, o Conselho Tutelar tomou conhecimento de possíveis agressões praticadas pelo casal contra as crianças. Fotos entregues à polícia mostram machucados e hematomas nas nádegas, nas orelhas e nas mãos das vítimas.

De acordo com o delegado, os irmãos passaram por exames no Instituto Médico Legal (IML), que confirmou as lesões causadas por agressões. Eles foram afastados dos pais por determinação da Justiça.

“Foi representado junto ao poder judiciário pela medida protetiva de afastamento dessas crianças e a proibição de manter contato, sendo que elas foram entregues aos cuidados de outros familiares”, diz o delegado.

A mulher e o marido prestaram depoimento à polícia, mas negaram qualquer tipo de agressão.

“A mulher alegou que uma das marcas [na cabeça] seria de quando a criança caiu da cama. Quanto às outras, não deram nenhuma explicação”, afirma o delegado.

A Polícia Civil aguarda o recebimento de alguns laudos para concluir o inquérito.

Os responsáveis poderão responder pelo crime de tortura, que prevê uma pena de dois a oito anos de reclusão.

Fonte: G1 (Foto: Divulgação)

plugins premium WordPress