20 anos

a primeira da cidade

5

Estudante é preso suspeito de abusar sexualmente de 300 crianças e adolescentes no PR

A Polícia Civil do Paraná (PCPR), em trabalho conjunto com a Polícia Federal (PF), prendeu, nesta quarta-feira (9), um homem suspeito de cometer abusos sexuais contra mais de 300 crianças e adolescentes.

A polícia informou que realizou prisão preventiva de um estudante de psicologia de 26 anos durante a operação Prius Praesidium, na cidade de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná.

Durante a ação, também foi cumprido um mandado de busca e apreensão. Também foram localizados, após a realização de diligências, mais de 1,7 mil arquivos de pornografia infantil. Desses, a polícia indicou que cerca de 350 foram produzidos pelo suspeito.

O estudante foi enquadrado nos crimes de estupro de vulnerável, estupro de vulnerável virtual, produção, armazenamento e compartilhamento de pornografia infantil e aliciamento de criança para a prática de atos libidinosos.

O delegado da PCPR José Barreto afirmou à CNN que a operação é complexa e a prisão ocorreu após extenso monitoramento de redes sociais.

“Trata-se de uma investigação complexa realizada pela Polícia Civil do Estado do Paraná juntamente com a Polícia Federal em que foi identificado, por meio de monitoramento ali nas redes sociais, bem com ferramentas tecnológicas utilizadas, que um usuário estava armazenando uma grande quantidade de mídias envolvendo exploração sexual, infantil entre fotos e vídeos”, disse.

“Verificou-se que ele teria feito mais de 300 vítimas, ele aliciava essas crianças para a prática de atos libidinosos, fazia vídeo-chamadas, o que incide no crime de estupro de vulnerável na modalidade virtual. Além disso, ele teria abusado fisicamente de uma criança. Tem o estupro de vulnerável na modalidade física também, bem como crime de aliciamento”, completou.

Fonte: CNN Brasil (Divulgação/Polícia Civil do Paraná)

plugins premium WordPress