19 anos
a Primeira da cidade

19 anos
a Primeira da cidade

47ffb2ce673c9b7a488853a279bb1e8e

Prefeito confirma reajuste de 12,5 % no salário do servidor

O prefeito Ricardo Salaro enviará a Câmara Municipal Projeto de Lei que reajusta o salário do servidor público municipal, com data base neste mês de janeiro de 2023, em 12,5%; ou seja, bem superior à inflação registrada no período, através do IPCA, que deverá ficar em torno de 5,5%.  “Com esse reajuste, o servidor público municipal acumulará, um aumento real com relação à inflação do período, já que no ano passado, esse reajuste foi inferior a inflação acumulada. Praticamente estamos zerando essa diferença com esse aumento e para o ano de 2024, projetamos um aumento que não somente corrija a inflação, mas também que venha com um aumento real, dentro da nossa proposta de valorização do servidor público municipal”, disse Salaro.
O vale alimentação também sofrerá reajuste, passando a ser de R$ 700,00 (aumento de 15,7%), totalizando um aumento real de mais de 155% durante os 6 anos da administração do prefeito Ricardo Salaro.
Além dos reajustes concedidos ao servidor público municipal, outros benefícios no sentido de valorizá-lo foram concedidos. O pagamento, por exemplo, que era feito no quinto dia útil do mês subsequente, passou a ser realizado dentro do próprio mês do vencimento (normalmente último dia útil) e o vale alimentação é pago todo dia 15 de cada mês.
Também os professores da rede municipal de ensino passaram a receber sobre o piso nacional estipulado, sendo pago o valor de forma retroativa, desde a sua aprovação.
Os agentes comunitários de saúde também recebem o valor do piso nacional estabelecido pelo governo federal.
O IPREM-Instituto de Previdência Municipal vem recebendo uma injeção de recursos extras por parte da Administração Municipal, a fim de garantir a aposentadoria dos servidores, de acordo com o cálculo atuarial que é feito anualmente pelo Instituto. A destinação desse valor extra, que é pago mensalmente pela atual Administração, somente no ano de 2022, representou a injeção de R$- 9.513.590,94 no IPREM. Esse montante poderia perfeitamente ser repassado como forma de reajuste salarial ao servidor, se a Administração Municipal não tivesse a responsabilidade de repassar esse valor extra mensalmente ao IPREM. A má gestão do IPREM em Administrações anteriores com a aplicação de seus recursos em fundos que faliram e ainda empréstimos a própria Prefeitura Municipal e ainda a reforma da Previdência Municipal proposta pela Administração Municipal que não passou pela Câmara Municipal, são  fatores que contribuíram para que o governo municipal tivesse que socorrer mensalmente o Instituto Municipal.
Servidores municipais de diversos setores, também estão tendo a oportunidade de frequentar diversos cursos de capacitação profissional, aumentando os seus conhecimentos técnicos o que proporciona ao munícipe, um melhor atendimento e também uma efetividade maior nas questões envolvendo a gestão pública.
Em tempos em que algumas Prefeituras encontram dificuldades em pagar em dia os salários de seus servidores, o 13º salário e a Previdência Social, a Prefeitura de São Manuel dá exemplo de gestão e responsabilidade com o dinheiro público, o que cria condições para a valorização do servidor público municipal.

Fonte: Prefeitura de Sâo Manuel

plugins premium WordPress