18 anos
a Primeira da cidade

18 anos
a Primeira da cidade

FB_IMG_1651657769883

Avaré: DIG prende acusados de roubos no comércio e na praça de pedágio da SP 255

A Delegacia de Investigações Gerais – DIG deflagrou , na manhã de 03/05/2022, a Operação denominada “Paraíso” , visando o esclarecimento de dois crime de roubo ocorridos nesta cidade de Avaré e praticados contra estabelecimentos comerciais durante o mês de Abril de 2.022.

O primeiro roubo ocorreu no dia 14/04/2022 onde , por volta de 21h30 , 2(dois) indivíduos encapuzados e portando armas de fogo renderam funcionários e clientes da Farmácia Drogal , localizada à Rua Dr. Félix Fagundes n. 1145, e subtraíram R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) em espécie .

Durante a ação criminosa foi identificada a participação de um terceiro indivíduo que ficou do lado de fora do estabelecimento na função de “olheiro” .

O segundo roubo ocorreu dias depois , em 19/04/2022, onde , por volta das 21H00 , 03 (três) indivíduos portando armas de fogo renderam funcionários do Pedágio da concessionária CCR , localizada na SP-255, e subtraíram R$ 2.657,00 (dois mil seiscentos e cinquenta e sete reais) em espécie e ainda um aparelho celular .

Durante a Operação foram cumpridos 04 (quatro) Mandados Judiciais de Busca e Apreensão Domiciliar em Avaré e ,durante as diligências, foram apreendidos uma espingarda de pressão , um simulacro de arma de fogo , vestimentas utilizadas durantes as ações criminosas, aparelhos celulares e a ainda uma motocicleta adquirida com o dinheiro produto dos roubos.

Foram ainda detidos 04 (quatro) indivíduos apontados pela investigação como componentes de uma associação criminosa voltada para a prática de crimes de roubo , os quais foram conduzidos até a Delegacia de Investigações Gerais – DIG onde , em declarações , admitiram a participação nas ações criminosas em Avaré e ainda em um terceiro roubo ocorrido no Município de Iaras/SP durante o mês de Março de 2.022.

Os indivíduos identificados como RGPA (20 anos) , AJLA (20 anos) , EOS (21 anos) e IMM (27 anos) tiveram suas prisões temporárias , pelo período de 30 dias, decretadas pela Justiça da Comarca de Avaré , sendo que três deles já possuíam antecedentes por crimes diversos. (Do Vale TV)