20 anos

a primeira da cidade

4

Idoso com Alzheimer desaparece após ser flagrado por câmera de monitoramento no litoral de SP

A família de um idoso de 71 anos, que tem a doença de Alzheimer, tenta localizá-lo desde o último fim de semana. Geraldo Cândido Sobrinho saiu de casa sem avisar a esposa, na noite de sábado (4), em Itanhaém, no litoral de São Paulo, e não retornou.

Geraldo foi visto pela última vez usando calça preta, camiseta branca, boné e chinelos azuis. Ele deixou o imóvel onde vive, na Alameda Aclimação, bairro Marrocos, sem celular ou documentos.

Um vídeo obtido por familiares mostra ele caminhando próximo à casa onde vive, por volta das 5h20 de domingo (5).

Não sabe voltar para casa

Ao g1, a autônoma Janaina Cândido, de 40 anos, diz que registrou um boletim de ocorrência virtual na manhã do dia 6 para localizar o pai. Ela fez buscas junto a parentes, conhecidos, bombeiros, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e Pronto Socorro da região, mas não teve sucesso.

O idoso foi diagnosticado com Alzheimer há três anos. Desde então, esta é a quarta vez que ele desaparece sem dizer para onde vai. A madrasta de Janaína, que vive com Geraldo, notou o sumiço por volta das 23h do dia 4.

“Minha madrasta só percebeu porque ficou chamando, chamando e ele não respondeu. Antes de dormir, ele vai ver as galinhas dele, os cachorrinhos, que ficam no quintal. Mas ela chamou e ele não estava mais”, conta Janaína.

“Ele tem problema na cabeça e todo mundo sabe. Não reconhece as pessoas e não sabe voltar para casa. Quando o pessoal da vila vê que ele está sozinho, traz ele de volta. Meu irmão e minha madrasta também. Mas ele só ficava algumas horas sumido”.
Fonte: G1 (Foto: Arquivo pessoal)
plugins premium WordPress