20 anos

a primeira da cidade

3

Mulher é morta a facadas pelo marido na frente dos filhos em Limeira: ‘escutamos grito de criança pedindo socorro’

Uma mulher de 32 anos foi morta a facadas em Limeira (SP), na noite desta terça-feira (19). O marido dela tentou se matar na sequência, mas foi socorrido e preso em flagrante pelo crime, que ocorreu na frente dos filhos do casal.

O feminicídio ocorreu no apartamento que o casal morava, no bairro Campo Verde. Angeliandra Antonia foi morta a facadas e os filhos, uma menina de 3 anos e um menino de 11, presenciaram. O garoto também teve um corte na mão. A polícia acredita que ele se feriu tentando salvar a vida da mãe.

“Estava eu e minha esposa em casa, assistindo… Aí a gente escutou um grito de criança pedindo socorro. Aí depois um segundo grito dele: “socorro, ele matou minha mãe”. Aí eu desci para ver o que estava acontecendo e me deparei com um menino de uns 10, 12 anos, ensanguentado. A minha reação foi tirar as duas crianças de dentro do apartamento”, contou um vizinho.

O vizinho também conta que, logo após tirar as crianças do local, o homem ainda tentou incendiar o apartamento quebrando o registro do gás. Ele afirma que chamou outros moradores para que saíssem do prédio e fechou o registro geral.

Quando o socorro chegou ao local do crime, a mulher já estava morta. Logo após esfaquear a esposa, o homem também tentou tirar a própria vida com a mesma faca. Mesmo ferido no abdômen, ele desceu as escadas e caiu desmaiado na área do térreo do condomínio.

Ele foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), sob custódia da Polícia Militar, e encaminhado para a Santa Casa de Limeira em estado grave.

O caso foi registrado como feminicídio e lesão corporal no plantão policial de Limeira. Segundo o delegado, a motivação do crime foi ciúmes.

“O autor seria usuário de drogas e quando a vítima chegou com as crianças da igreja, ele passou a questioná-la, se ela estaria traindo. E já iniciou a agressão com a faca”, relatou o delegado Rodrigo Rodrigues.

O caso vai ser investigado com base na perícia feita no apartamento e também com informações do celular da vítima, que foi apreendido. O homem já tinha passagens pela polícia e ficou internado sob custódia.

Os filhos do casal ficaram sob cuidados de familiares.

Fonte: G1 (Foto: Reprodução/EPTV)

plugins premium WordPress